Seu dia tá chato? Anime-se com o vídeo de um pug tomando banho com 5 porquinhos - Pet é pop
  • Seu dia tá chato? Anime-se com o vídeo de um pug tomando banho com 5 porquinhos

    O cãozinho pug Pigtail faz tudo junto com seus cinco “irmãozinhos”, os miniporcos Prissy, Pop, Posey, Pink e Penn. Eles vivem em Jacksonville, na Flórida (EUA).

    Além de brincar o dia inteiro, dividem refeições, fazem passeios, visitam a petshop local, vão à praia e tomam banho. Sem desgrudar um do outro.

    Apesar de ser o único ser de outra espécie, Pigtail não é a estrela entre os pets da família. Isso porque ele é o segundo mais novo membro do clã. Nasceu no dia 1º de janeiro de 2017. Penn, que veio ao mundo em outubro daquele ano, é o caçula.

    Quando os dois chegaram, a dona dos animais já havia montado perfis no Twitter e Instagram, além de um site e uma loja, dedicados aos decanos Prissy (29/4/2013) e Pop (12/12/2013).

    Além de todos esses privilégios digitais, Prissy e Pop são os protagonistas do livro “Big Day Out”. Por meio de fotos divertidas, a obra mostra a vontade de Pop em ir para a praia, enquanto Prissy o convence a visitar um jardim, passear no mercado e brincar em um playground.

    Divulgação

    A dona do pug e dos miniporcos é a professora Melissa Nicholson. Ela dá aula para alunos do ensino fundamental e leva Prissy e Pop para a escola. “Os alunos leem pra gente, oferecem petiscos saudáveis, e ocasionalmente nos juntamos a eles para lições de ciência ao longo do dia”, diz Prissy no site.

    prissyandpop.com

    Até 2016, todos viviam em uma casa de praia. Mudaram-se para uma fazenda, onde Melissa realizou o seu sonho de criar um espaço para animais abandonados ou que precisassem de cuidados. Nascia o Prissy and Pop’s Helping Hooves.

    Hoje, o pug e seus cinco “irmãozinhos” ganharam a companhia de dois cavalos, quatro pôneis, uma vaca e seu bezerro, dois burros, três cabras, um cachorro, três porcos grandes e oito miniporcos.

    Reprodução/Facebook

    “Estamos felizes por poder resgatá-los e evitar que eles terminem no prato de alguém. Nós acreditamos que os animais são amigos, não comida”, defende Prissy.

    prissyandpop.com
  • Back to top