Com a morte de Doris Day, animais perdem uma de suas maiores protetoras - Pet é pop
  • Com a morte de Doris Day, animais perdem uma de suas maiores protetoras

    “Eu nunca conheci um animal de que não gostasse, não posso dizer o mesmo sobre pessoas.” Esta é uma das frases mais célebres da atriz e cantora americana Doris Day, que morreu na manhã desta segunda-feira, dia 13, aos 97 anos.

    Batizada com o nome de Doris Mary Ann Kappelhoff, ela nasceu no dia 3 de abril de 1922. Seu pai era professor de música, e sua mãe, dona de casa. Entre suas várias atuações marcantes no cinema, estrelou o filme “O Homem que Sabia Demais” (1956), dirigido pro Alfred Hitchcock. Ali ela mostra também seus dotes de cantora, que gravou vários discos, ao interpretar “Que Sera, Sera (Whatever Will Be Will Be)”.

    Além de uma estrela completa, ela foi uma defensora ferrenha dos animais. Fundou em 1978 a Doris Day Animal Foundation, entidade sem fins lucrativos totalmente dedicada à proteção deles. Muitos dos bichos que foram parar na instituição foram resgatados pela própria atriz.

    Com o que arrecada por meio de campanhas e pedidos de doações, a fundação ajuda a manter 501 entidades que cuidam de animais de rua em várias partes dos EUA.

    Uma das campanhas mais notáveis encabeçadas pela fundação conseguiu banir as corridas de cães no estado americano da Flórida.

    A atriz levava o bem-estar animal tão a sério que se recusava a trabalhar em sets de filmagem onde os animais pudessem sofrer maus tratos.

    Carinhosamente chamada de “a carrocinha de Beverly Hills”, Doris frequentemente encontrava cães abandonados no portão de sua casa. Não era raro ela bater nas portas dos vizinhos na esperança de reunir os bichinhos e seus donos.

    Quando ía para o trabalho, ela sempre carregava fotos dos animais que acolhia e tentava convencer os profissionais dos estúdios a levar um deles para casa. Se aceitasse, muitas vezes a atriz ía pessoalmente conferir as condições do novo lar do animal.

    Ouça Doris Day e conheça outros dos seus bichos no vídeo abaixo:

  • Back to top